quarta-feira, outubro 12, 2016

Gente com infiltração


Comumente fazemos consertos nas paredes de casa tão-logo aparecem as infiltrações.

Infiltrações vêm acompanhadas de mofo, odor forte e mal cheiroso, coloração escura, aspecto de abandono.

Não por acaso são fontes de atenção do Feng Shui, como sendo vampiras de energia, bem-estar, prosperidade e saúde.

Há pessoas com infiltrações.

Nelas fica mais delicada a função de verificar os sinais externos, pois, não gotejam, não possuem odor característico, mas isso à primeira vista. Só à primeira vista.

Pessoas com infiltração se demonstram raivosas e promíscuas na primeira contrariedade.

São dotadas de gotejamento de seu passado, muitas vezes nebuloso, mal resolvido e sob o qual, geralmente, possuem tamanha vergonha.

São meretrizes em desenvolvimento.

Prostituem palavras, gestos, afeição.

São damas desde que nada as contrarie.

Tão-logo sentem-se ameaçadas em seu arabesco fantasioso põem-se a demonstrar seu lodo e infiltração e exalam forte cheiro de lava orgânica.

Você já deve ter se deparado com alguma delas em algum momento da vida.

Não por acaso, suas casas refletem sua personalidade.

Cheiram mal, não circulam ar puro, possuem tecidos mal cheirosos e lixo, muito lixo disfarçado de entulho.

Vampirizam energia, competem com o imponderável.

Fazem par com suas paredes com infiltração.

Só que as paredes têm solução, bastando para isso uma obra estrutural, às vezes nem isso.

Pessoas com infiltração, não.

Esquecem seus talentos mais admiráveis, sua voz que poderia ecoar palavras de coragem e preferem, ah como preferem!, ser meretrizes em desenvolvimento.

Para sempre.

Prostituem a ética, os princípios, os valores e não curam sua infiltração.

Preferem ornar com suas paredes.


Cláudia Dornelles

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...