domingo, outubro 16, 2016

Filtrando


Você toma café, chá, essas bebidas que requerem filtragem?

Por que, então, não pega emprestado o filtro e põe para coar tudo aquilo que lhe aporrinha, aborrece, destrói a autoestima, deflagra crises inexistentes?

Todos sabemos que o café é setorizado: tradicional, forte, extra forte, etc.

O que tem te aporrinhado é forte, tradicional, extra forte ou forte?

Concluindo, é suficientemente digerível para não precisar ser filtrado no coador do bom senso?

Haja ontem para tanto hoje, eu bem sei.

Mas, e a filtragem?

Como vai sua filtragem?

Seus amigos são amigos ou conhecidos?

Sua família é família ou parentes?

Suas escolhas são escolhas ou padrão repetitivo de comportamento?

Estamos numa boa fase de fazer filtragem.

Qual será a sua?

Quais serão as suas?

Se inquiete!

Se indigne!

Lembre-se de que só se indigna quem é digno.

Pare de ter um caso de amor com seu sofá e seus segredos indizíveis.

Filtragem já!

Cláudia Dornelles
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...