sábado, outubro 04, 2014

Um doce Sábado a todos!


Das maiores venturas dessa vida, a paciência é de longe a mais cara...

Paciência que inclui, que agrega, que abraça sem limites, todos que se se encontram nos muitos pontos da jornada da vida...uns lá na frente, outros muito atrás, e tantos por aí, pelo meio, cansados, travados...sem ânimo.

Ah bendita paciência!

Seria o mais forte traço divino em nós?

Pois divinos, só talvez quando respiramos bem fundo...

E sentamos, com calma para esperar o outro...ou retrocedemos, para buscá-lo se necessário.

Divinos talvez, quando humildes, tentamos compreender o que leva uns tão à frente, e vencendo invejas ou um recalque ou outro, somos pacientes conosco mesmos, aceitando quando nos estendem a mão.

Aceitando que tudo isso leva tempo...

Divinos com certeza, quando como irmãos, emparelhamos o passo, e juntos, fazemos a jornada mais grata de ser enfrentada...vendo como as distâncias encurtam, quando partilhamos a luta.

A eterna luta da vida, sempre pesada demais para encarar sozinho...

Pois dura é a solidão dos impacientes demais pra amar...

E desde o começo desta fala, mais que de esperas ou de precipitações...

Estamos tratando é de amor.

Gi Stadnicki.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...